Everaldo Augusto é eleito presidente do PCdoB em Salvador

Foto: Ascom/PCdoB Bahia

A Conferência Municipal do PCdoB em Salvador, iniciada na sexta-feira (13/10), na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da UFBA, foi encerrada neste sábado (14), com a eleição dos 46 novos membros para o comitê do Partido no município (ver lista de nomes no fim do texto). Com a definição, os novos integrantes elegeram, ainda na ocasião, o bancário e ex-vereador Everaldo Augusto para assumir a presidência do PCdoB-Salvador pelos próximos dois anos.

O novo presidente municipal possui uma consolidada e elogiada trajetória no PCdoB, ao longo de 40 anos de militância. Everaldo Augusto foi vereador por dois mandatos e presidiu o Sindicato dos Bancários da Bahia e a Central Única dos Trabalhadores (CUT) duas vezes. Atualmente, chefia o gabinete da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb).

Ao ser anunciado presidente, Everaldo Augusto elogiou o trabalho da direção que encerra o mandato e destacou a biografia da atual presidenta, Olívia Santana. “Essa mulher está permitindo que o PCdoB dê um salto em Salvador. Ela representa a cidade, o povo negro, a intelectualidade, a cultura. Substitui-la não é fácil, mas vamos fazer de tudo para estar à altura desse desafio”, garantiu.

Everaldo também falou dos desafios eleitorais do Partido e explicou que pretende manter a ousadia e a coragem empenhadas pelo PCdoB nas eleições municipais de 2016, em que uma candidatura comunista foi lançada e o nome de Alice Portugal potencializado na disputa pela prefeitura de Salvador. “A principal tarefa do comitê é preparar o PCdoB para 2020. Assumimos um protagonismo e não queremos voltar atrás!”

Paridade e renovação

A vereadora Aladilce Souza estará à frente da vice-presidência e os outros cargos de direção ainda serão definidos em próximas reuniões do comitê eleito. Segundo a Secretaria Municipal de Organização, a conferência de Salvador mobilizou 1.829 filiados e filiadas, entre 45 organismos de base, 13 comitês intermediários e seis coletivos com atuação na cidade.

“Essa foi a maior conferência da história do nosso partido em Salvador. Tanto em quantidade quanto em qualidade”, celebrou Jurandir Silva, secretário municipal de Organização. O resultado da votação também chamou atenção pelos significativos índices de renovação dos membros e de participação feminina. Dos 46 nomes escolhidos para o novo comitê municipal, 19 (41%) são de novos quadros e 21 (46%) são mulheres.

Com o índice que se aproxima dos 50% de participação feminina, fato inédito entre os partidos com atuação na Bahia, a nova composição do Comitê Municipal do PCdoB garante o caminho de se aproximar da paridade de gênero. Jurandir ainda destacou que os percentuais são reais, correspondentes com a verdadeira atuação partidária das mulheres que possuem expressão política e capacidade de assumir tarefas partidárias.

Na abertura da conferência, na sexta-feira (13), Olívia Santana, que já foi secretária de Mulheres do governo do Estado, afirmou que, no PCdoB, “o empoderamento feminino é real”, e usou o seu próprio exemplo para ilustrar as oportunidades que as mulheres encontram no Partido.

A Conferência Municipal em Salvador é preparatória para a Conferência Estadual, marcada para o próximo final de semana (dias 21 e 22), e para o 14º Congresso Nacional, que acontece em novembro, em Brasília.

Novo Comitê Municipal do PCdoB-Salvador:

Adson Souza, Agnaldo Batista, Ailton Botelho Plínio, Alan Valadares, Alda Valéria, Alfredo Santiago, Ângela Guimarães, Antônio Raimundo de Azevedo Dantas, Beatriz Matos, Carlos Silva de Jesus, Clarice dos Santos, Deoclides Cardoso, Edna Maria Santos, Elvia Magalhães, Elza Melo, Emanoel Souza, Everaldo Augusto, Geraldo Galindo, Helio Ferreira, Hilário Leal, Ilka Bichara, Isis Macagnan, Ivanilda Brito, Ivete Leão dos Santos, Jamile das Silva Santos, Jerônimo Júnior, José Lourenço Dias (Dias), José Ricardo Moreno, Jurandir Silva, Kilson Melo, Livia Ferreira da Silva, Marcelo Brito (Gavião), Maria Aladilce Souza, Maria de Lourdes Nascimento (Lurdinha), Maria Olívia Santana, Marleide Moreira Nogueira, Natália Gonçalves, Onã Rudá Cavalcanti, Reginaldo de Oliveira, Renato Dórea, Renato Jorge Pinto, Rubiraci Almeida (Cherry), Sirlene Assis, Tereza Cristina da Silva Bandeira, Weslen Moreira

Ascom/PCdoB Bahia

Partilhar:

Governador da Califórnia visita área de incêndio; número de mortos sobe para 38

O governador do Estado norte-americano da Califórnia, Jerry Brown, visitou na tarde deste sábado (14) regiões atingidas pelos incêndios florestais que se propagam pelo Estado desde o começo da semana. Brown foi acompanhado pelos senadores Dianne Feinstein e Kamala Harris. Brown declarou jamais ter visto um incêndio tão destrutivo e mortal.

“É uma das maiores tragédias que a Califórnia já enfrentou”. Na ocasião, Brown disse a moradores que o perigo ainda existe e pediu que deixassem a área caso fossem solicitados.

Autoridades do Estado que continuam buscando 300 pessoas desaparecidas, das quais 220 são do condado de Sonoma e 74, de Napa.

Neste sábado pela tarde, três outras mortes foram reportadas. Com isso, o número total de mortos no incêndio subiu para 38.

Até sexta-feira (13), 5.700 casas e prédios tinham sido destruídos e cerca de 90 mil pessoas se deslocado de suas residências. Neste sábado, um número ainda não computado de estruturas foi destruído em uma área rural do Estado, de acordo com um porta-voz do Departamento de Florestas e Proteção contra Incêndios da Califórnia.

Associated Press

Partilhar:

De olho em 2018 Isaac Carvalho assume hoje (14) comando do PCdoB em Juazeiro-BA

Foto: Reprodução/Rede Social

Isaac Carvalho, ex-prefeito de Juazeiro-BA e pré-candidato a uma vaga na Câmara Federal foi eleito hoje (14), presidente do PCdoB no município.

Atualmente, Isaac ocupa o cargo de Assessor de Planejamento e Parcerias Estratégicas na gestão de Paulo Bomfim, seu sucessor político.

Isaac vai dirigir o PCdoB no lugar de Gilson Araújo. A passagem de comando acontece durante a conferência do partido, realizada neste sábado (14), no Rapport Hotel, Bairro Lomanto Junior.

O evento é preparatório para a Conferência Estadual da legenda, prevista para acontecer entre os dias 21 e 22 de outubro, em Salvador. O ex-prefeito de Juazeiro já faz parte da direção estadual do PCdoB. A conferência deste sábado também elegeu os novos membros do comitê municipal. Estão presentes o deputado estadual Zó, o deputado federal Daniel Almeida, o prefeito de Juazeiro, Paulo Bomfim, além de filiados do partido no município.

Foto: Reprodução/Rede Social

“Este não é um projeto partidário meu, nem de Daniel, nem de Zó. Nós estamos aqui para contribuir com a transformação de Juazeiro, do norte da Bahia e de toda a nossa querida Bahia, a luta só está começando, temos muitos desafios pela frente”, disse Isaac no início da conferência.

Com o cargo de Assessor de Planejamento e Parcerias Estratégicas na gestão de Bomfim, membro da direção estadual e agora presidente do PCdoB em Juazeiro, Isaac Carvalho caminha a passos largos rumo a uma vaga na Câmara dos Deputados em Brasília.

Foto: Reprodução/Rede Social

Paulo Bomfim também designou Isaac para representar Juazeiro no Consórcio de Municípios do Vale do São Francisco. Além do prestígio construído em torno de sua imagem com prefeitos, vereadores e lideranças políticas nas cidades do Território do São Francisco.

Perfil

Empresário do Agronegócio e apaixonado por Vaquejada, Isaac Carvalho foi o primeiro prefeito reeleito da história política de Juazeiro. Elegeu-se em 2008. Reelegeu-se em 2012 e fez seu sucessor político Paulo Bomfim em 2016.

Nascido em 30 de abril de 1972, Isaac Cavalcante de Carvalho tem 45 anos. Natural de Petrolândia, em Pernambuco, Isaac foi morar em Juazeiro com a família aos dois anos de idade.

O prefeito de Juazeiro é formado em técnico agrícola pela Escola Agrotécnica de Juazeiro, em técnico contábil pelo Colégio Dr. Edson Ribeiro e em administração de empresas pela Associação Internacional de Educação Continuada (AIEC),  da Faculdade de Administração de Brasília (FAAB).

Juliano Ferreira/IrecêPress

Partilhar:

Identificada última vítima do acidente com ônibus em Piritiba-BA

Foto: Reprodução/Redes Sociais

A última pessoa morta no acidente com o ônibus da Entram ocorrido na quinta-feira, (12) na BA 131, foi identificada na manhã desta sexta-feira (13). Trata-se de Maridalva Oliveira Andrade, de 68 anos.

Saiba mais:

Acidente com ônibus em Piritiba-BA deixa mortos e feridos

Bahia: Duas crianças vítimas da tragédia em Piritiba são transferidas para Jacobina

Identificadas quatro vítimas de tragédia com ônibus em Piritiba-BA; Cinco pessoas morreram

A identificação foi feita pela irmã da vítima na sede do DPT de Jacobina. Ela disse que estava devastada pois ontem era um dia de festa, pois todos da caravana estavam muito animados com a viagem, que infelizmente teve um fim trágico.

Dona Maridalva era natural de Lajedinho, mas segundo a família ela será sepultada na cidade de Itaberaba, onde residia. O corpo acaba de ser liberado do DPT de Jacobina.

Bahia Acontece

Partilhar:

Petrobras aumenta preço da gasolina nas refinarias em 0,8% a partir deste sábado (14)

Foto: Arquivo/IrecêPress

O preço da gasolina vendida pela Petrobras nas refinarias será elevado em 0,8%, a partir deste sábado (14). A informação foi divulgada nesta sexta-feira (13) pela estatal. Isso não significa, necessariamente, aumento nos postos de gasolina. O valor final aos motoristas nas bombas deverá variar, de acordo com estoques dos postos e a concorrência, pois o preço ao consumidor é regulado livremente pelo mercado.

Já o preço do óleo diesel sofreu redução de 0,2%, que também valerá a partir deste sábado. Segundo a companhia, a política de preços para a gasolina e o diesel vendidos nas refinarias às distribuidoras tem como base o preço de paridade de importação, que representa a alternativa de suprimento oferecido pelos principais concorrentes para o mercado.

“Em busca de convergência no curto prazo com a paridade do mercado internacional, analisamos nossa participação no mercado interno e decidimos periodicamente se haverá manutenção, redução ou aumento nos preços praticados nas refinarias”, explicou a estatal.

Vladimir Platonow/Agência Brasil

Partilhar:

Senadores do PT votarão contra Aécio na próxima terça-feira (17)

Foto: George Gianni

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) está comemorando antecipadamente a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de submeter ao Congresso a decisão sobre o mandato parlamentar. O voto de decisão da presidente Cármen Lúcia desempatando em favor do tucano de Minas Gerais provocou reações de insatisfação modestas na sociedade e de satisfação imodesta da classe política.

Dito isso, a coluna Painel da Folha de São Paulo desta sexta-feira (13) traz a informação de que a bancada do PT no Senado, que protestou contra o que considerou excessos do Judiciário quando o STF suspendeu o mandato de Aécio, votará para mantê-lo afastado quando o caso for examinado pelo plenário, na terça (17).

O tucano deve ter o retorno aos trabalhos aprovado. A tendência é essa, mas os petistas argumentarão que, com a solução encontrada para o embate entre os dois Poderes, o Senado agora precisa analisar a gravidade das acusações que pesam contra Aécio na Justiça e não pode repetir o erro que, para eles, foi cometido quando o Conselho de Ética arquivou pedido de cassação do tucano, em julho.

Além do PT, senadores independentes de seus partidos como Roberto Requião do PMDB-PR devem votar contra o tucano de Minas Gerais.

Bocão News

Partilhar:

Cerca de 15 milhões contribuíram para o PIS/Pasep por 20 anos; saiba como sacar

Foto: Marcos Corrêa/PR

Criados em 1971, os fundos do Programa de Integração Social (PIS) e do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) funcionaram, por quase 20 anos, como uma poupança particular. A cada ano, o trabalhador tinha direito a receber o rendimento das cotas e podia sacar todo o crédito em caso de aposentadoria, doença grave ou ao completar 70 anos.

Os fundos vigoraram até 4 de outubro de 1988. Com a promulgação da Constituição, a arrecadação do PIS/Pasep passou a ser destinada ao Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), que paga o seguro-desemprego e o abono salarial, e para o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), que empresta a empresas do setor produtivo. O PIS é destinado aos trabalhadores da iniciativa privada. O Pasep, aos servidores públicos.

No entanto, falhas na comunicação entre o governo, as empresas e os trabalhadores fizeram muitos não sacarem as cotas dos fundos, mesmo cumprindo os requisitos para a retirada. No ano passado, uma auditoria da Controladoria-Geral da União (CGU) identificou que 15,5 milhões de brasileiros tinham abonos do PIS/Pasep a receber.

Desde o ano passado, a promoção de campanhas reduziu pela metade o contingente de brasileiros que ainda não sacaram o benefício. Para zerar o passivo e injetar R$ 15,9 bilhões na economia, o governo publicou, no fim de agosto, a Medida Provisória 797, que reduziu as restrições para o saque e criou um calendário para a retirada.

Retirada

Na Caixa Econômica, os cotistas do PIS poderão fazer a retirada de três maneiras. Os pagamentos de até R$ 1,5 mil serão feitos nos caixas eletrônicos, digitando a Senha Cidadão, sem a necessidade de cartão bancário. Quem não tiver a senha pode obtê-la no seguinte endereço, bastando clicar em “esqueci a senha” e preencher os dados. Os saques de até R$ 3 mil podem ser feitos nos caixas eletrônicos, mas o cliente precisará usar o Cartão Cidadão e digitar a Senha Cidadão. Nas lotéricas e nos correspondentes bancários, o cotista poderá retirar o dinheiro, levando o Cartão Cidadão, a Senha Cidadão e algum documento oficial de identificação com foto. Acima desse valor, o beneficiário deverá ir a alguma agência da Caixa levando documento oficial com foto.

Em relação aos saques do Pasep, os cotistas com saldo de até R$ 2,5 mil sem conta no Banco do Brasil poderão pedir transferência para qualquer conta em seu nome em outra instituição financeira na página do banco na internet ou nos terminais de autoatendimento. Não correntistas com saldo acima desse valor ou herdeiros de cotistas falecidos deverão ir às agências.

Os clientes com dúvidas podem consultar as páginas da Caixa ou do Banco do Brasil

Infografia PIS/Pasep

Wellton Máximo/Agência Brasil

Partilhar:

Agenda Cultural: Festival de Forró da Chapada segue até sábado (14) em Mucugê

Carlos Casaes/Agência A Tarde

O gênero musical que tem a cara do Nordeste ganha evento especial na cidade de Mucugê. Desta quinta-feira, (12) a sábado, (14) acontece a primeira edição do Festival de Forró da Chapada. O evento tem como organizador o mestre da sanfona, Targino Gondim.

“Sempre tive vontade de participar do São João de Mucugê, mas nunca deu certo. Em uma conversa com o prefeito da cidade, tive a ideia de organizar o festival, comemorar meu aniversário. Convidei vários amigos, eles tomparam, aí deu nessa programação maravilhosa”, afirma Godim.

Grandes nomes do ritmo do forró estarão presentes: Tato Fala Mansa, Genilval Lacerda, Adelmario Coelho, Estakazero, Jó Miranda, Del feliz, Quinteto Sanfônico do Brasil, Flor Serena, Mestrinho, Renato Borghetti, Cezzinha e Zelito Miranda.

“Além re reunir grandes nomes do forró, o festival dá oportunidade a novos talentos. Vai ter muito som de raiz, nosso objetivo é mostrar o valor do forró, que é uma sonoridade base da música popular brasileira. O evento é um grande palco para o forró seguir brilhando”, festeja Gondim.

Além dos show de Targino Gondim e seus convidados, a programação também conta com oficinas gratuitas de sanfona, aulas de dança e forró na praça com a Rural Elétrica.

Raiz

O forrozeiro baiano Zelito Miranda festeja a iniciativa de Targino Gondim. “Esse evento foi uma sacada muito boa de Targino e da prefeitura da cidade. A Bahia era carente de um festival destinado ao forró, trilha sonora da maior festa do Brasil, o São João”, celebra.

“Será um grande encontro, um ponto de reflexão sobre o forró. Não tenho nada contra as variantes do forró, mas esse é um espaço para o pé de serra, pois não podemos perder nosso essência, nossas raízes”, ressalta Zelito.

Léo Macedo, da banda Estakazero, também comemora a realização do festival. “Precisamos fortalecer essa iniciativa do Targino. Espero que fique para sempre no calendário cultural da Bahia. Isso proporciona a renovação do forró e oferece oportunidades aos novos artistas”, destaca.

“Com o evento, ganhamos nós o artista, ganha o forró tradicional, o autêntico pé de serra, ganha a cidade e a Chapa Diamantina, que se consolida como espaço de eventos culturais e destino turístico”, disse Léo Macedo.

A banda Estakazero aproveitará o festival para lançar o Estaka Elétrica, um micro-trio que vai percorrer as ruas de Mucugê na tarde de sexta-feria.

Durante três dias, Mucugê será a capital do forró. Um grande arraial fora de época.

Confira a programação completa:

Roberto Aguiar/A Tarde Online

Partilhar:

Dia Mundial de Combate à Trombose: saiba o que é mito ou verdade sobre a doença

Foto: Divulgação

Hoje (13) é o Dia Mundial de Conscientização e Combate à Trombose. A data foi instituída pela Sociedade Internacional de Trombose e Hemostasia, com o objetivo de alertar sobre riscos e formas de prevenção, bem como esclarecer a população sobre uma doença que, embora recorrente, é cercada por dúvidas e até mitos.

Para Gutemberg Gurgel, presidente do Congresso Brasileiro de Angiologia e Cirurgia Vascular 2017, para evitar a doença ou atacá-la é preciso, em primeiro lugar, diferenciar os dois tipos de trombose existentes: a arterial e a venosa. Ambas resultam da coagulação imprevista do sangue. Quando isso na artéria, ocorre a trombose arterial. Quando na veia, dá origem à Trombose Venosa Profunda (TVP).

No primeiro caso, a existência de um coágulo impede a passagem do sangue para os tecidos e, consequentemente, causa inchaço e dor na região afetada. Mais difícil de tratar, em geral é atacada por meio de cirurgia. Se não tratada, pode levar à gangrena dos tecidos e até a amputação do membro. Idosos, fumantes e diabéticos são os mais afetados.

A das veias, em 90% dos casos, atinge vasos na perna, segundo a Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular (SBACV). A organização alerta que ela pode causar embolia pulmonar e até óbito, por isso exige muita atenção e cuidado. Ela também pode ocorrer associadas a cirurgias de médio e grande portes, traumatismo, gestação ou outras situações que obriguem a uma imobilização prolongada.

Pessoas com idade avançada, dificuldades de coagulação, insuficiência cardíaca, obesas, fumantes e adeptas de usam anticoncepcionais ou tratamento hormonal são as que correm maior risco de desenvolver a doença.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) aponta que as doenças cardiovasculares são a principal causa de morte prevenível em todo mundo. Entre elas, têm destaque o Acidente Vascular Cerebral (AVC) e o Tromboembolismo (TEV). No Brasil, em 2016, o Sistema Único de Saúde (SUS) realizou 35.598 tratamentos clínicos em decorrência da trombose. Entre janeiro e julho deste ano, foram 16.923, segundo o Ministério da Saúde. O órgão registra 485.443 procedimentos de fisioterapia, sendo mais de 330 mil no ano passado e 155 mil neste ano.

Mitos e verdades

Cigarro e anticoncepcional causam trombose? Idosos não podem fazer viagens longas? São muitas as dúvidas que cercam a doença. A Agência Brasil questionou o médico Gutemberg Gurgel para esclarecer algumas delas.

Anticoncepcional e cigarro

Apontada como grande fator de risco para a ocorrência de trombose entre as mulheres, a combinação de cigarro e pílula, de fato, pode favorecer a ocorrência da doença. Isso porque o cigarro é um vasodilatador, ao passo que o hormônio provoca alterações nas paredes das veias, diminuindo a velocidade da circulação. O resultado não é necessariamente o trombo, mas pode ocorrer, especialmente, se associado a outros fatores de risco, como obesidade, tendência familiar e vida sedentária. Por isso, o médico alerta sobre o uso precoce de anticoncepcionais, que têm sido indicados para tratamento de pele de adolescentes, por exemplo, e recomenda evitar o tabagismo.

Gravidez

Mulheres grávidas também devem ficar atentas. A maior quantidade de hormônios femininos circulando no corpo pode desencadear aumento da coagulação. Além disso, o médico explica que o aumento do útero promove a contração dos vasos pélvicos, dificultando o retorno do sangue. Mais uma vez, os casos são mais recorrentes em pacientes que possuem tendência à coagulação.

Como forma de prevenir problemas, além do uso de meias de compressão, Gurgel destaca a importância da prática de atividades físicas especialmente no caso das mulheres grávidas e também de pessoas que vão passar períodos longos com dificuldades de se movimentar, o que ocorre, por exemplo, durante viagens. “É importante usar as meias e buscar caminhar um pouco, pelo menos, a cada duas horas”, explica. Contrair o músculo da panturrilha e colocar o pé no chão também podem ajudar. Em todos os casos, destaca: é preciso tomar água e evitar a desidratação, sobretudo em ambientes fechados e refrigerados por ar-condicionado.

Cirurgias

Em cirurgias e no pós-operatório, o médico explica que há protocolos sobre o uso prévio ou posterior de medicação específica. A situação é delicada, pois envolve risco de hemorragia. Mas, segundo ele, novos medicamentos têm sido desenvolvidos para facilitar o uso, inclusive por via oral, sem necessidade de injeção, o que garante maior segurança ao diminuir o risco de sangramento.

Diagnóstico e tratamento

Gutemberg Gurgel alerta que a TVP é, em geral, assintomática, o que dificulta o diagnóstico. Para evitar surpresas, ele indica que pessoas afetadas pelos fatores de risco busquem pesquisar a situação da circulação sanguínea do corpo, pois a presença de alguma anormalidade genética pode ser decisiva. Outra sugestão é atentar para o aparecimento de edemas, sobretudo quando surgem sem serem precedidos por pancadas e acompanhados por dor ao caminhar.

O jornalista Daniel Fonsêca, 34 anos, sofreu trombose após passar alguns dias imobilizado em um hospital, em decorrência de um trauma. Os primeiros sintomas foram dores fortes, que foram inicialmente identificadas como resultado de alguma distensão muscular. A permanência o levou a realizar o exame ecodoppler, que permite a análise do sistema venoso. Foram constatadas, então, não apenas a existência de trombo, mas até o risco iminente da perda das duas pernas. Submetido à medicação anticoagulante logo após o diagnóstico, escapou de ter sequelas graves, mas passou meses tomando remédios e com dificuldades para dirigir ou até caminhar devido às dores.

Superada a fase mais difícil, foi preciso mudar hábitos e adotar medidas preventivas. Como o anticoagulante gera riscos de hemorragias, após o trauma passou a ampliar o cuidado para evitar acidentes, como andar de bicicleta ou utilizar instrumento cortantes. Meia hora antes de viagens com pelo menos três horas de duração, injetava medicação intravenosa no ambulatório do próprio aeroporto.

Além disso, passou a utilizar meias elásticas de alta compressão. À época, Daniel tinha 23 anos e não escapou do preconceito.“Muitas vezes eu relativizei e negligenciei o uso das meias por causa da questão estética. Passava dois, três meses sem usar por conta do preconceito que existe, ainda mais quando se é jovem”, conta.

As meias são fundamentais para tratar ou prevenir problemas circulatórios em geral, mas a dificuldade para ampliar o uso delas não é só estética. O par, segundo o jornalista, custa entre R$ 160 e R$ 200 e dura apenas seis meses. “Isso é muito relevante, porque grande parte das pessoas que sofrem trombose nos membros inferiores são da população pobre. Gente que trabalha muito em pé ou sentado e não tem chance de prevenção”, como motoristas de ônibus, lavadeiras ou vendedores, alerta.

Partilhar:

Agenda Cultural: Halloween Caatingueiros 2017 acontece nesta sexta-feira (13) em Irecê-BA

Foto: Divulgação

A Sexta-feira, 13 pós feriado promete muita diversão no Halloween Caatingueiros 2017.

Dj Fábio e Drop são as atrações. O ingresso antecipado custa R$ 10,00 e pode ser encontrado no Chef Salgados e Colomy Brothers. Na hora, vai custar R$ 15,00.

Caatingueiros Bar vai oferecer um balde de Eisenbahn para a melhor fantasia. A festa começa a partir das 22h.

Da Redação

Partilhar: